terça-feira, 8 de maio de 2012

Comissão da Usina Catende promove visita técnica




A Comissão Especial da Usina Catende realizou, ontem, visita técnica in loco. A Cooperativa de Colonização Agropecuária e Industrial Pindorama, de Alagoas, participou do encontro para avaliar as possibilidades de funcionamento das máquinas e discutir soluções para os problemas da empresa sucroalcooleira. 

Entre as décadas de 50 a 60, a Usina Catende foi a mais importante do Estado e chegou a moer a maior quantidade de cana de açúcar, na América Latina. Há 16 anos, entretanto, funciona em regime de massa falida e é gerida por um juiz titular da 16ª vara que nomeia um síndico responsável pela administração. Com dívidas acumuladas, a indústria não consegue se manter. A região (Catende, Palmares, Água Preta, Jaqueira e Maraial) depende economicamente da indústria. 

“Mesmo em crise, a arrecadação de ICMS da Usina Catende é maior que o montante dos cinco Fundos de Participação dos Municípios (FPMs) somados”, afirmou o presidente da Comissão Especial, deputado Aluísio Lessa (PSB). 

Em pleno funcionamento, a usina gera cerca de seis mil empregos diretos e 36 mil indiretos. Avaliada para ir à leilão pelo lance mínimo de R$ 100 milhões, a Usina Catende precisará de R$ 15 a R$ 20 milhões para voltar a funcionar plenamente. De acordo com o presidente da Cooperativa Pindorama, Klécio Santos, as dependências estão sucateadas por falta de manutenção. “Foram feitos reparos que não solucionaram os problemas. Ao longo de 16 anos, o estrago piorou. Mas a região tem um potencial enorme e as pessoas que trabalham aqui são verdadeiros heróis. A sociedade precisa perceber a importância e reconhecer o esforço. É necessário encontrar uma saída definitiva”, completou Santos. 

Também participaram da visita técnica os deputados Zé Maurício (PP), Henrique Queiroz (PR) e Rildo Braz (PRP), além de representantes do Banco do Brasil, do Sindicato dos Cultivadores de Cana de Açúcar, da Associação de Fornecedores de Cana de Açúcar e da Cooperativa da Usina Catende. 

À tarde, os parlamentares se reuniram com o secretário da Casa Civil, Tadeu Alencar, no Palácio do Campo das Princesas, para expor as informações apuradas durante a visita e debater questões relacionadas ao leilão. 


Publicado no Diário Oficial do Estado (D.O.E.) em 08/05/2012.
http://www.alepe.pe.gov.br/paginas/vernoticia.php?dep=4458&paginapai=3596&doc=16ED970BDEE669BE032579F70082A034


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Followers

Total de Visitantes

Blog do Deputado José Maurício Ferreira